18 de set de 2009

Me perguntam: como é Reykjavik?

Reykjavik significa baía enfumaçada...E tudo isso por causa das "águas quentes", o precioso presente da mãe-terra que gera nuvens de vapor d´água. Hoje seus habitantes, quase 65% de toda a população da Islândia, vivem em casas ou prédios de até 4 andares. O sol da meia-noite é presença constante no verão, porém durante a maioria dos meses do ano sua majestade, o Sol, comparece muito pouco.
Assim, a maioria da vida é interior, seja nas casas ou, dentro de si mesmo. Conversei com espanhóis, portugueses e brasileiros que lá vivem...duro é achar o que fazer dentro de casa durante os longos meses de inverno! Os primeiros 2 anos de um imigrante são dedicados à adaptação. Depois, muitas vezes só o amor resolve...ou os leva de volta à pátria-mãe.
Aqui vão algumas fotos. Das casas. Dos gatos (de coleira, passeando nos parques e nas ruas). Da vida...


















4 comentários:

Giovanna Lanzellotti disse...

Lulu, que delícia!
Adorei!
Bjos
Jo

Silvana Tavano disse...

O gato da janela saiu pra passear ou será que ele estava olhando pra outros gatos da rua?
tadinho, ele parece ilhado mesmo...

beijo

Lucia disse...

Achei muitos gatos nas janelas e passeando nas ruas com coleiras...poucos cachorros. Também com tanto frio e noite, acho que os pobres cãezinhos não aguentam mesmo. E os gatos...ha...os gatos!!!

bj
Lu

Eloise disse...

Como fã de gatos, gostei de saber que eles são preferência nacional lá !

bjs